Atualmente se ouve cada vez mais falar sobre o feminismo, o empoderamento e o sucesso das mulheres. Diante desse cenário, o universo cinematográfico nos traz inúmeras personagens fortes e marcantes que inspiram e nos dão diferentes pontos de vista sobre o papel e lugar da mulher. Que tal fazer uma maratona desses filmes e se inspirar?!

1 – Mulher-Maravilha

O filme é dirigido por uma mulher e estrelado por uma super-heroína, “Mulher-Maravilha” conquistou o mundo em 2017 e teve uma relevância além do seu conteúdo. O filme mostra a origem da personagem inserindo-a num contexto da Primeira Guerra Mundial, usando de humor e inocência para trabalhar o choque entre uma mulher criada numa ilha de amazonas e um mundo dominado por homens em guerra.

2 – Um Sonho Possível

Sandra Bullock interpreta uma das mulheres mais impressionantes do cinema e da vida real: Leigh Anne Tuohy. Rica e com uma vida mais do que confortável, ela decide trazer um jovem negro e forte para viver com sua família, que inclui um filho pequeno e uma filha adolescente. Sem preconceitos, ela o incentiva a entrar para o time de futebol americano, onde ele descobre ter talento para o esporte, e o adota definitivamente.

3 – O Fabuloso Destino de Amélie Poulain

Após deixar a vida de subúrbio que levava com a família, a inocente Amélie muda-se para o bairro parisiense de Montmartre, onde começa a trabalhar como garçonete. Certo dia, encontra uma caixa escondida no banheiro de sua casa e, pensando que pertencesse ao antigo morador, decide procurá-lo  e é assim que encontra Dominique. Ao ver que ele chora de alegria ao reaver o seu objeto, a moça fica impressionada e adquire uma nova visão do mundo. Então, a partir de pequenos gestos, ela passa a ajudar as pessoas que a rodeiam, vendo nisto um novo sentido para sua existência.

4 – Histórias Cruzadas

Jackson, pequena cidade no estado do Mississipi, anos 60. Skeeter é uma garota da sociedade que retorna determinada a se tornar escritora. Ela começa a entrevistar as mulheres negras da cidade, que deixaram suas vidas para trabalhar na criação dos filhos da elite branca, da qual a própria Skeeter faz parte. Aibileen Clark, a empregada melhor amiga de Skeeter, é a primeira a conceder uma entrevista, o que desagrada a sociedade como um todo. Apesar das críticas, Skeeter e Aibileen continuam trabalhando juntas e, aos poucos, conseguem novas adesões.

5 – Coco antes de Chanel

Quando criança Gabrielle é deixada, junto com a irmã Adrienne, em um orfanato. Ao crescer, ela divide seu tempo como cantora de cabaré e costureira, fazendo bainha nos fundos da alfaiataria de uma pequena cidade. Até que ela recebe o apoio de Étienne Balsan, que passa a ser seu protetor. Recusando-se a ser a esposa de alguém, até mesmo de seu amado Arthur Capel, ela revoluciona a moda ao passar a se vestir costumeiramente com as roupas de homem, abolindo os espartilhos e adereços exagerados típicos da época.

6 – A Chegada

Quando um grupo de naves espaciais aterrissam em diferentes pontos do mundo, uma linguista (Amy Adams) é convocada pelo exército americano para mediar o contato com dois alienígenas, estabelecendo uma comunicação e descobrindo suas intenções na Terra. Baseado no conto “História da Sua Vida”, de Ted Chiang.

7 – Atômica

Baseado no graphic novel “The Coldest City”, o filme combina ação e suspense em uma trama repleta de sensualidade, brutalidade e espionagem. Após a queda do muro de Berlim, a agente Lorraine Broughton (Charlize Theron) é enviada à cidade para recuperar um dossiê de valor inestimável. Ela se une ao chefe da estação local, David Percival (James McAvoy) e se envolve em um jogo letal de espiões.

8 – Frida

Frida Kahlo foi um dos principais nomes da história artística do México e também referência feminina. Conceituada e aclamada como pintora, ele teve um agitado casamento aberto com Diego Rivera, seu companheiro também nas artes, e ainda um controverso caso com o político Leon Trostky, além de várias outras mulheres.

9 – Que Horas Ela Volta?

A pernambucana Val se mudou para São Paulo a fim de dar melhores condições de vida para sua filha Jéssica. Com muito receio, ela deixou a menina no interior de Pernambuco para ser babá de Fabinho, morando integralmente na casa de seus patrões. Treze anos depois, quando o menino vai prestar vestibular, Jéssica lhe telefona, pedindo ajuda para ir à São Paulo, no intuito de prestar a mesma prova. Os chefes de Val recebem a menina de braços abertos, só que quando ela deixa de seguir certo protocolo, circulando livremente, como não deveria, a situação se complica.

10 – Para Sempre Alice

A Dra. Alice Howland é uma renomada professora de linguística. Aos poucos, ela começa a esquecer certas palavras e se perder pelas ruas de Manhattan. Ela é diagnosticada com Alzheimer. A doença coloca em prova a força de sua família. Enquanto a relação de Alice com o marido, John, fragiliza, ela e a filha caçula, Lydia, se aproximam.