Correções no formato e tamanho do nariz estão entre as plásticas mais procuradas no Brasil. A evolução das técnicas cirúrgicas permite que os médicos tenham duas opções para fazer as alterações necessárias: a rinoplastia aberta e a rinoplastia fechada. Você sabe a diferença?

Neste post, nós vamos explicar como cada técnica é realizada Também falaremos sobre os benefícios de cada uma e suas indicações. Então, ficou curioso ou está realmente planejando corrigir o nariz? Saiba tudo sobre essas alternativas!

Rinoplastia aberta: como é feita a cirurgia?

Quando o médico realiza uma rinoplastia aberta, ele faz uma incisão na columela. Esse é o tecido que divide as duas narinas e fica visível externamente. 

Portanto, o cirurgião usa essa abertura na columela para abrir os tecidos do nariz. Depois, ele utiliza um retrator para puxá-los delicadamente e fazer uma nova incisão que se estende à parte interna das narinas.

A partir dessas incisões, o cirurgião consegue dissecar cuidadosamente a pele. Assim, ela é erguida, deixando a estrutura de cartilagem fique exposta. 

Com esse acesso à cartilagem, o médico consegue corrigir o tamanho e o formato do nariz. Pode ser que ele precise retirar excessos e reduzi-lo, ou mesmo fazer enxertos para aumentá-lo ou modelá-lo. Essas alterações se tornam mais fácil se a estrutura (ossos, cartilagens) está descoberta.

A rinoplastia aberta é uma técnica bastante utilizada. Afinal, ela dá ao cirurgião uma visão melhor da estrutura oculta do nariz e a possibilidade de fazer correções mais significativas.

Dessa forma, os ajustes do cirurgião podem ser ainda mais precisos. Afinal, ele tem plena visão e espaço para fazer as manobras necessárias. 

A única desvantagem da rinoplastia aberta é que ela deixa uma cicatriz visível. Porém, essa marca costuma ficar muito discreta: apenas um risquinho na base do nariz.

Rinoplastia fechada: qual é a diferença?

A outra alternativa é utilizar a técnica conhecida como rinoplastia fechada. Nesses casos, o cirurgião não abre o nariz do paciente. Ele faz cortes dentro das narinas, pelos quais realiza todas as alterações necessárias.

Além da extrema perícia do cirurgião, a rinoplastia fechada exige o uso de instrumentos muito pequenos e delicados. Dessa forma, ele consegue inserir ou retirar trechos de cartilagem e ossos.

O local da incisão, embora seja dentro das narinas, pode variar de acordo com o tipo de correção pedida pelo paciente. Se ele quer deixar a ponta do nariz mais arrebitada, por exemplo, o corte é feito logo abaixo dessa região e o cirurgião utiliza cartilagem para modelá-la.

Já se o desejo do paciente é reduzir o dorso (nariz aquilino ou “de bruxa”), o médico precisará fazer as incisões lá no fundo. Através delas, ele retirará tecidos para deixar a área bem modelada.

A principal vantagem da técnica de rinoplastia fechada é que ela não deixa nenhuma cicatriz externa. Portanto, as marcas ficam dentro das narinas, tornando-as imperceptíveis para quem tem contato com a pessoa. 

Porém, essa não é a única razão que leva muitos cirurgiões a preferirem a rinoplastia fechada. Eles também destacam que a recuperação dos pacientes costuma ser mais rápida, o inchaço é menor. Assim, eles retomam sua rotina normal em poucos dias.

No entanto, a técnica da rinoplastia tem algumas desvantagens. A primeira delas é o fato de, devido à abertura reduzida, o cirurgião não ter uma visão tão clara da área que será operada. Então, ela exige extrema perícia por parte do médico. 

Também por não abrir o nariz do paciente, o cirurgião nem sempre consegue fazer as manobras necessárias para realizar determinadas alterações. Por isso, ela pode não ser indicada para casos que precisam de intervenções mais significativas.  

Qual é a melhor técnica: rinoplastia aberta ou rinoplastia fechada?

A melhor técnica para uma cirurgia plástica de nariz é aquela mais adequada às suas necessidades. Portanto, apenas um cirurgião qualificado e experiente tem o conhecimento para avaliar seu caso e decidir qual é o procedimento indicado para alcançar seus objetivos.

Por isso, é fundamental buscar uma clínica de confiança e médicos experientes. Além disso, quando se trata de cirurgia plástica, o profissional deve ser certificado pela SBCP. 

Todos os profissionais que atendem a esse requisitos estão listados no portal da SBCP. Portanto, se o nome do médico não consta nesse site, é necessário buscar outro cirurgião para realizar o procedimento com segurança.

Entendeu qual é a diferença entre a rinoplastia aberta e a rinoplastia fechada? Gostou da possibilidade de corrigir o nariz sem ficar com cicatrizes aparentes? Então, não perca tempo! Conte essa boa notícia aos seus amigos agora mesmo compartilhando o post em suas redes sociais!