A pele negra tem as suas especificidades, e o cirurgião plástico precisa levar alguns fatores em consideração; saiba quais são eles

Cada etnia tem as suas particularidades e detalhes que conferem uma aparência única. E tudo isso precisa ser levado em consideração pelo cirurgião plástico na hora de um procedimento estético. E, claro, esses fatores étnicos e os cuidados tomados vão influenciar diretamente na recuperação e no resultado da plástica.

As principais características da pele negra

A pele negra tem uma quantidade muito maior de melanina e também uma maior tendência à formação de queloides. Isso exige maiores cuidados durante a cicatrização. De acordo com os profissionais da clínica Master Health, os cuidados durante os procedimentos em peles negras devem ser maiores porque elas têm uma maior atividade dos fibroblastos, as células que produzem colágeno. Isso pode interferir na cicatrização, deixando as cicatrizes aumentadas e com os queloides, quando a superfície da cicatriz não fica lisa.

Manter os traços e a harmonia do rosto são prioridades

Alguns traços costumam ser bem marcantes em pessoas de pele negra. Um deles é o nariz mais achatado e com as abas maiores. Muitos são os pacientes que buscam na plástica de nariz a correção do formato. Mas é preciso lembrar que um bom cirurgião plástico sempre vai levar em conta todos os traços faciais do paciente antes de realizar um procedimento para afinar o nariz. Nesses casos, o bom senso estético precisa predominar para que o resultado seja harmônico, bonito e não retire as características étnicas da pessoa. Afinal, um nariz muito fino não fica em harmonia com todos os formatos de rosto. Caberá ao cirurgião plástico fazer essa avaliação e orientar o paciente sobre as melhores opções.