Sabia que é possível dar a impressão de que o seu olho é maior? Saiba mais sobre a ocidentalização de olhos.

A globalização possui alguns impactos na nossa sociedade, principalmente estéticos: enquanto nós desejamos ter os cabelos lisos e macios das orientais, elas desejam possuir os olhos ocidentais. A notícia é que com a tecnologia e os avanços cirúrgicos, é possível realizar o desejo das mulheres com características orientais de “ocidentalizar” os seus olhos. Como assim? A gente te explica:

Ocidentalização dos olhos

Especialistas da clínica Master Health nos contam que é um procedimento parecido com a blefaroplastia, mas com outro objetivo: proporcionar aos olhos uma espécie de “dobra” nas pálpebras para quem não as possui. A cirurgia é feita através de uma incisão na pele da pálpebra (horizontal, para projetar a dobrinha) que irá criar uma depressão, promovendo profundidade no olhar.

Além disso, também há a opção de “dar um up” para a pálpebra e realizar um sulco com pequenos pontos abaixo da pele para fixá-la direto no músculo.

Mais detalhes sobre a ocidentalização dos olhos:

Anestesia – local com sedação (o paciente é liberado em poucas horas).

Pré-operatório – evitar ingerir comidas gordurosas, bebidas alcoólicas e fumar. No dia da cirurgia não usar brincos e respeitar o período de jejum.

Pós-operatório – utilizar compressas de solução fisiológica fria, evitar exposição solar e movimentação no local.

Veja como fica o Pré-operatório e o Pós-operatório