Conheça os principais procedimentos e algumas das informações mais importantes sobre eles

A mamoplastia é, de fato, uma das cirurgias plásticas mais procuradas pelas mulheres em todo o mundo, pois as mamas exercem um fascínio muito grande sobre os dois sexos, com tudo o que simbolizam na sexualidade feminina e no seu sentimento de confiança e autoestima. E é pensando nas leitoras que querem aumentar ou fazer outros ajustes nos seios que elaboramos essa espécie de guia com as principais informações sobre a mamoplastia. Para nos ajudar e tirar as dúvidas mais comuns, consultamos os especialistas da clínica Master Health, de São Paulo. Vem conferir:

Se você quer…

Aumentar as mamas

Para dar volume aos seios a melhor opção é recorrer ao implante de próteses de silicone. A escolha do tamanho vai se basear na vontade da mulher e também na avaliação médica, de suas características físicas e da harmonia com seu biótipo. A tendência agora são os seios mais naturais, e por isso grande parte dos pacientes estão procurando próteses menores.

Tempo de cirurgia: de uma a duas horas

Tipo de anestesia: varia em cada caso. Em geral, é a anestesia local com sedação, mas pode ser alterada a critério do cirurgião.

Cicatriz: o corte poderá ser feito pelo mamilo, pela axila ou pelo sulco inferior da mama.

Recuperação: de 7 a 14 dias

Diminuir as mamas

Mulheres que se queixam de dores nas costas por conta do peso das mamas, ou querem harmonizar os contornos podem optar pela Mamoplastia de redução.

Tempo de cirurgia: de duas a três horas

Tipo de anestesia: pode ser indicada a geral.

Cicatriz: em forma de “T”, do sulco inferior até o mamilo

Recuperação: de 7 a 14 dias

Levantar os seios

A aparência caída das mamas pode incomodar muito, e essa cirurgia plástica é muito procurada por quem já passou por gestações e também devido ao processo natural de envelhecimento.

Tempo de cirurgia: de duas a quatro horas

Tipo de anestesia: local com sedação ou geral

Cicatriz: geralmente fica na volta baixa dos seios

Recuperação: deve ser usado um sutiã especial durante pelo menos dois meses