Quem tinge os cabelos tem de retocar as raízes sempre

Confira na matéria como fazer isso sem manchar o que deve ficar intacto.

Basicamente, duas são as razões que levam as pessoas a tingir os cabelos: vontade de mudar a cor natural ou necessidade de esconder os fios brancos. Em ambos os casos, é necessário que as raízes sejam tingidas pelo menos uma vez a cada trinta dias. “A freqüência deve ser mensal. Mesmo as morenas que optam pela cabeleira loura podem deixar as raízes escuras por um tempo. Isso dá um toque de modernidade no visual”, garante Sônia, cabeleireira de um grande salão de São Paulo. E uma hora você vai ter de fazer o retoque, seja em casa ou no salão de beleza. Mesmo que você conte com a ajuda de um profissional para a tintura, é bom saber como deve ser o procedimento, até para conferir se não estão fazendo besteira em suas melenas.

Para cabelos (brancos ou de qualquer outra cor) que precisem apenas de retoque, sem mudança de tom, a ordem é passar a tintura (qualquer que seja o tipo) nas raízes de toda a cabeça e deixar agir por 20 minutos. Passado esse período, espalhe o produto por toda a extensão dos fios e deixe agir por mais cinco minutos.

Se o seu problema é que os cabelos, além de crescidos, estão manchados e danificados por causa do sol, você deve passar a tintura permanente com que está acostumada nas raízes e esperar 15 minutos. Depois disso, enxágüe e passe um xampu colorante da mesma cor na parte danificada dos fios. Deixe agir pelo tempo estipulado no rótulo.

Os tonalizantes devem ser aplicados como um xampu nas raízes dos cabelos e agir por 20 minutos. Depois, devem ser espalhados pelo resto dos fios, que serão enxaguados após 15 minutos.

Mulheres com reflexos, luzes, mechas ou ballaiage podem ficar tranqüilas por um período maior. Quem quer um visual mais certinho deve refazer os fios mais claros uma vez a cada três meses.

Mas, para quem não se importa com as raízes crescidas, o retoque pode ser feito até uma vez ano. Depende da sua vontade.