Além de um incômodo estético, o mamilo invertido pode atrapalhar a amamentação

Quando se trata de seios, várias são as imperfeições que podem incomodar, desde o tamanho, se forem muito grandes ou pequenos, até assimetrias e falta de sustentação. Uma imperfeição também comum é o mamilo invertido, quando o mamilo é dividido em duas partes ou então quando apresenta uma cavidade. Cerca de 3% das mulheres de todo o mundo têm o problema, e na maioria dos casos ele se apresenta nas duas mamas.

As mulheres que têm essa imperfeição podem sentir-se constrangidas, afetando sua autoestima e até a sua vida sexual. Além disso, os mamilos invertidos podem atrapalhar a amamentação. A principal causa é uma má formação congênita, quando se tem uma fraqueza nos ligamentos que sustentam a papila. É algo mais raro, mas os mamilos invertidos também podem ser causados por processos inflamatórios, mais comuns em diabéticos e pessoas que fumam e até pelo câncer de mama. Por todos esses motivos, exames de rotina e consulta a médicos especialistas são fundamentais.

Para solucionar o problema do mamilo invertido, uma pequena cirurgia plástica pode ser feita. Utilizando um micro bisturi, o cirurgião plástico corta as fibras que invertem os mamilos. E não é necessário preocupar-se com cicatrizes, pois elas são mínimas e ficam praticamente invisíveis.

Fonte: Clínica Master Health