Quando falamos sobre exercícios físicos e cirurgia plástica, eles parecem não ter qualquer relação, mas não é bem assim

O ideal é que a prática das atividades sejam retomadas após a liberação do cirurgião plástico. Aliás, as atividades são essenciais para promover o desinchaço do corpo e acelerar a cicatrização. Tudo, é claro, com muita moderação. Conheça quais são os exercícios permitidos:

Rosto

Ginástica aeróbica, corrida e ciclismo podem ser liberados após um mês. Já os esportes de contato devem ser evitados por dois meses para que não haja qualquer trauma.

Pálpebras

Mesma indicação do rosto. Evitar os esportes de contato ou com bolas por aproximadamente um mês.

Nariz

O aumento do fluxo sanguíneo para a região da cabeça ao praticar exercícios físicos pode gerar sangramento e retardar a absorção do inchaço. É indicado retomar as atividades de forma lenta e gradual após três semanas.

Otoplastia (orelha)

Ginástica aeróbica, corrida e ciclismo são liberados após um mês.

Mamas

Nesse caso, é necessário preservar especialmente o tórax e os braços. Qualquer exercício que exija utilização intensa dos braços como natação, levantamento de peso, tênis, entre outros) só devem ser praticados dois meses após a cirurgia plástica.

Lipoaspiração

A liberação da prática de esportes ocorre em média após três semanas.