Quer ficar sarada para aproveitar o verão? Conheça as dicas do Fique Linda para você acelerar seu metabolismo e secar as gordurinhas! 

O fim de ano está chegando e para quem quer emagrecer para exibir curvas de dar inveja no verão, a prática de exercícios, uma boa alimentação e o bom funcionamento do seu organismo são hábitos essenciais neste processo!

Alimentação vs Metabolismo 

Para quem pensa que pular refeições e comer apenas vegetais é o ideal para secar a barriga, engana-se, pois para acabar com os indesejados “pneuzinhos” não depende apenas da quantidade de calorias consumidas, mas também da velocidade em que seu metabolismo transforma estas calorias em energia.

Carboidratos: devo parar de consumi-los?

Para acelerar o seu metabolismo e aumentar a queima de calorias, o consumo de carboidratos é essencial. Os carboidratos funcionam como uma espécie de combustível aos músculos, ao sistema nervoso e às células de sangue. O não consumo de carboidratos deixará você sem energia e com o metabolismo lento, assim, a inatividade fará com que você ganhe peso.

O consumo de carboidratos com um baixo índice glicêmico manterá estável seu nível de insulina e afastará a fome por um maior período de tempo. Dentre os carboidratos desta categoria podemos citar grãos integrais, legumes, frutas e verduras. Estes alimentos são ricos em fibras e não possuem tanta gordura, levando mais tempo para a digestão e acelerando seu metabolismo.

Proteínas: para quais devo dar preferência?

Além de auxiliar na formação dos músculos, caso você esteja procurando tonificá-los, as proteínas consomem as calorias mais rapidamente e diminuem a velocidade em que ocorre a digestão dos carboidratos. Para manter uma dieta completa e sem peso na consciência, procure por proteínas magras como lagarto, patinho, rosbife, peixe, frango, ricota, cottage, ovo, soja e derivados.

Gorduras: Uma dieta sem o consumo de gorduras é o tipo ideal?

Fundamentais para acelerar o seu metabolismo, as gorduras retardam a digestão dos carboidratos e permitem que as calorias sejam gastas de modo homogêneo. Dentre as principais gorduras para serem consumidas estão os produtos derivados de castanhas do Pará e de caju, amêndoa, amendoim, nozes, pinhão, pistache, azeite de oliva extra virgem, abacate, semente de abóbora, gergelim e girassol.

Refeições

Para aumentar ainda mais a queima das calorias é importante uma reeducação alimentar. Uma alimentação dividida em 6 pequenas refeições ao longo do dia fará com que seu estômago entenda que não é necessário economizar ou estocar calorias (que transformam-se nos indesejados pneuzinhos), pois ele receberá uma nova porção quando ele menos imaginar.

Seguindo estas dicas, você notará uma maior saciedade após 2 semanas! Neste período seu estômago encolherá cerca de 30%, sua ingestão calórica diminuirá aproximadamente 10% e seu metabolismo ganha um UP que poderá te ajudar a perder até 2 quilos por mês!